Header Ads

10 Romances brasileiros com alienígenas

Seja vigilante, fique de olho nos céus porque coisas estranhas podem vir do espaço. Greys, reptilianos, todo o tipo de alienígenas nos espreitam lá fora, e a literatura brasileira não fica distante desses deuses astronautas. No post de hoje selecionamos 10 romances brasileiros sobre ou com alienígenas, confira:

1 - O Filho mais velho de Deus e/ou Livro IV, de Lourenço Mutarelli: Tendo de escrever sob encomenda para a Coleção Amores Expressos o artista múltiplo nesta narrativa junta toda a paranoia contemporânea, sociedades secretas e reptilianas, uma boa dose de Erik Von Daniken e um protagonista que em plena Nova York como o cu de uma ête. Uma lisérgica narrativa que para além dos reptilianos, traz o embate entre racionalismo e transcendentalismo e espiritualidade, tudo isso numa estética pastiche de sátira;

2 - Quãm e os indícios mortais, de Tadeu Loppara: Embora alguns apontamentos feitos em nossa avaliação do livro, no geral o universo criado pelo autor, diverso em seres e criaturas é um dos mais ricos na ficção científica nacional. Além disso, é obra estruturada e que embora não se trate de invasão alienígena, é mais uma obra apocalíptica em que os humanos percorrem o espaço numa espécie de Star Wars em que terráqueos estão presentes;

3 - O Homem que viu o disco-voador, de Rubens Teixeira Scavone: Presença obrigatória numa lista nessa perspectiva, pois a obra enquanto gênero é considerada primeiro romance de ficção ufológica por estas bandas brasileiras;

4 - A vida secreta de Jonas, de Luiz Galdino: Tenho abordado em algumas oportunidades que as narrativas alienígenas geralmente estão fortemente marcadas não apenas pela visão de mundo e de sociedades de seus autores, mas também os compromissos que esses assumem, de modo que se o autor tem uma visão pessimista, nos casos extremos, até mesmo xenofóbicas, os alienígenas, sempre uma metáfora dos outros, serão seres perigosos, os inimigos a serem combatidos. Já numa outra perspectivas, a metáfora é usada por autores como forma de inclusão e compreensão do outro, do estrangeiro, seja ele de uma pátria diferente ou mesmo de um outro planeta. É nessa segunda vertente que se filia este grande clássico da coleção que certamente moldou e marcou uma geração de leitores, a Vaga-Lume;

5 - Brasil: Aventura Interior, de Eliana Machado: Uma aventura juvenil bem escrita e movimentada que acaba tendo um pouco de Alienígenas do Passado, Indiana Jones e certa pegada de Harry Potter. É bem divertido para falar a verdade;

6 - Terra Verde, de Roberto de Souza Causo: Certamente um dos principais autores de ficção científica no país, e antes de O Macron e O Bolso estarem de olho na amazônia cada qual com seu cada qual interesse, neste romance são os alienígenas que estão de olho no "nosso pulmão do mundo" que tal qual Plutão, parece ter sido rebaixada, já que não é nem mais pulmão;

7 - Dom Casmurro & os discos voadores, de Machado de Assis e Lucio Manfredi: Lembram que ali pelos idos de 2010 com o sucesso de Orgulho & Preconceito & Zumbis ocorreu uma breve onda dos romances mashups? Manfredi se inspirou nesse movimento, e embora não criando totalmente um mashup pois diferentemente dos da gringa não manteve todo o texto original, no caso brasileiro o autor uniu nosso romance do corno eterno com discos voadores;

8 - O mosaico, de Nicolay Streisky: Bem eu sei o que o título do post diz, mas como "my blog my rules", vou quebrar a sequência de romances para compartilhar interessantes ficções em contos, tendo alienígenas em suas narrativas. Caso deste livro cujos contos tem um pouco de space ópera e romance policial, mas também com alienígenas. É um trabalho de primeira, embora o autor não participe do círculo mainstream do gênero;

9 - Aqui quem fala é da terra, Vários Autores: Essa coletânea que reúne autores já bastante conhecidos do público e estreantes traz nove contos tratando de seres do espaço, é é publicada pela editora Plutão que surgiu no mercado procurando trabalhar especificamente com a ficção científica e embora ainda pequeno seu catálogo, é muito interessante;

10 - Ufo - Contos Não Identificados, Organizado por Georgette Silen: Já se vocês preferem uma jornada bem mais underground esta coletânea de contos organizada pela falecida Editora Literata reúne uma certa quantidade de trabalhos com alienígenas. 

Nenhum comentário