10 Considerações sobre Mundo Novo, ou como sobreviver num apocalipse adolescente

O Blog Listas Literárias leu Mundo Novo, de Chris Weitz, publicado pela editora Seguinte, e neste post publica suas 10 considerações sobre o livro:

1 - Mundo Novo, de Chris Weitz é uma distopia apocalíptica com universo dominado por adolescentes em que a ação e a reflexão sobre a humanidade são constantes, o que faz da obra uma leitura interessante e engajada;

2 - A ambientação sombria do livro lembra um pouco a The Walking Dead, só que sem zumbis e adultos, mas com tantas mortes, brutalidade, e questionamentos quanto a série.É um trabalho que também discute os escrúpulos humanos diante do caos;

3 - Desde sua capa (muito mais bonita pessoalmente do que pelo computador) até seu conteúdo, Mundo Novo me pareceu usar um pouco da estética punk na construção de sua trama, na qual um vírus dizima a população, matando crianças e adultos, restando apenas adolescentes;

4 -  O universo violento do livro é apresentado pelas vozes de Jefferson e Donna que embora semelhantes apresentam distintos olhares sobre este novo mundo cuja palavra essencial é a sobrevivência e o estabelecimento de novos acordos de sociedade. Podemos dizer que Donna tem uma visão mais infantil e ingênua, enquanto Jeff é utópico e cheio de esperanças, mesmo quando a atitude dos sobreviventes reedita os erros do passado;

5 - A utopia de Jefferson, aliás, fica muito evidente quando ele demonstra seus desejos de obter um mundo melhor do que fora antes do Ocorrido;















6 - E uma das virtudes do livro é justamente ir além da ação e da aventura, contantes do livro. Para isso seus narradores mergulham em reflexões bastante críticas quanto ao comportamento social anterior ao Ocorrido, na verdade nosso tempo presente. Estas críticas vão desde o consumismo exagerado ao distanciamento entre as pessoas, entre outros fatores que tornaram o mundo mais cinza;

7 - Além disso, a reflexão prossegue no futuro apocalíptico de Mundo Novo através de um ambiente urbano mas também selvagem onde a sobrevivência e o jogo de poder se mantem no mundo dominado por adolescentes. Assim, estão presentes no livro, mortes, traições, canibalismo, e por incrível que pareça, a necessidade de se reerguer o capitalismo mesmo depois do fim dos tempos;

8 - Uma das coisas bacanas do livro é a constante citação dos personagens/narradores de elementos da cultura pop contemporânea (mas também mais antigas) o que cria uma intimidade muito forte entre eles e o leitor a tal ponto de crermos em suas existências imbuindo-os de um forte verossimilhança;

9 - Mas não esqueçamos que trata-se de uma distopia juvenil, o que também garante ao leitor muita ação, aventura, e é claro, uma história de amor às sombras deste ambiente hostil e inseguro;

10 - Enfim, Mundo Novo é uma ótima opção de leitura aliando entretenimento e reflexões que só a literatura nos permite fazer. Certamente poderá agradar a todo tipo de leitor, em especial os mais nerds, que irão se deliciar com esta obra.



10 Considerações sobre Mundo Novo, ou como sobreviver num apocalipse adolescente 10 Considerações sobre Mundo Novo, ou como sobreviver num apocalipse adolescente Reviewed by Douglas Eralldo on quinta-feira, outubro 30, 2014 Rating: 5

Nenhum comentário