10 Considerações sobre Três Contra Todos, ou porque amor e paixão são viscerais

O Blog Listas Literárias leu Três Contra Todos, de Deco Rodrigues, e neste post publica sua 10 considerações sobre o livro:

1 - Três Contra Todos, de Deco Rodrigues é sobretudo uma ardente história de paixão e amor, em que suas 96 páginas ira intercalar momentos de puro erotismo e momentos em que o amor e suas raízes firmes falarão mais alto, e definitivamente;

2 - O autor consegue balancear com competência a linearidade da paixão que conduz ao o amor, e quando este se arraiga seus laços fortes e indissolúveis, por isso terá o leitor na primeira parte deste romance as narrativas mais picantes da obra, enquanto em sua parte final, crescem os conflitos, e aí surgem as pessoas, seus dramas, suas superações, especialmente quando se vive algo "incomum" aos olhos da grande maioria da sociedade;

3 - Isto porque a trama nos apresenta uma história de amor vivida por três pessoas que apaixonadas decidem pagar "o preço" de se assumir um relacionamento incompreendido por uns, e por outros até mesmo bode expiatório para esquentar velhas brigas;

4 - A opção de apresentar a trama pela voz de seus três protagonista é acertada, pois o autor consegue através de cada um deles revelar e distinguir cada uma de suas personagens, como a visceralidade de Eduarda, a paciente tranquilidade de Lucas, e a força de Rafaela, formando os três um trio "osso duro de roer" quando traçam suas escolhas;

5 - Também é possível perceber a vontade do autor através do livro apresentar aos leitores um pouco de sua cidade, levando-os por um "tour" como se fossemos um turista passeando pelos cenários da história;

















6 - É importante dizer que o erotismo presente no livro acaba refletindo desejos masculinos, a começar pela escolha dos integrantes da relação, um homem e duas mulheres, mas principalmente na definição nas cenas onde as coisas esquentam de verdade em que fetiches masculinos são muito presentes e detectáveis;

7 - Aliás, Três Contra Todos é uma boa dia de leitura para se fazer a dois;

8 - Por de trás do seu erotismo, e do seu romance, o livro acima de tudo trás um debate sobre como a sociedade enfrenta o que lhe é diferente, e como parte dela simplesmente prefere repudiar isto, ao invés de respeitar a escolhas dos outros, especialmente quando esta escolha lhes fazem felizes;

9 - Por fim, o livro também acima de tudo demonstra que não é por suas escolhas sexuais, por seus relacionamentos, que se constroem as pessoais, mas sim o caráter de cada uma delas, e especialmente a verdade e a lealdade que são indispensáveis para fortalecer um relacionamento, mesmo um entre três pessoas;

10 - Enfim, Três Contra Todos é uma leitura rápida e saborosa que irá aquecer seus leitores em todos os sentidos.

:: + no Skoob ::

 
10 Considerações sobre Três Contra Todos, ou porque amor e paixão são viscerais 10 Considerações sobre Três Contra Todos, ou porque amor e paixão são viscerais Reviewed by Douglas Eralldo on segunda-feira, junho 30, 2014 Rating: 5

Nenhum comentário