Header Ads

10 Maiores escritores de romances de espionagem

 No post de hoje selecionamos 10 escritores que entendem tudo de espionagem e contra-espionagem. Alguns deles, inclusive foram suspeitos ou espiões confessos. Confira os 10 maiores escritores de romances de espionagem:


1 - Ian Fleming: Esse é um caso que até mesmo supera a discussão acerca da qualidade ou não dos livros. O fato é que não há como Fleming não ocupar o topo da lista. James Bond, sua criação é destes personagens que se tornam figuras indispensáveis no imaginário coletivo e social, sendo certamente o mais icônico dos espiões da ficção;

2 - John Le Carré: Os britânicos entendem e gostam dessa coisa de espionagem. Seu personagem mais conhecido e icônico é George Smiley que estrela seu romance mais lembrado, O Espião que saiu do frio. Grande parte de sua literatura tem como ambiente o cenário da Guerra Fria. Carré trabalhou para o MI5 e MI6. Aqui no blog você pode conferir O Homem Mais Procurado;

3 - Tom Clancy: O escritor americano falecido em 2013 é um desses casos de literatura transmidiática. Seu nome estampa consagrados jogos para videogame e computadores, sempre com espionagem e atiradores prontos para tomar de assalto algum lugar tomado por terroristas. De literatura prolífica Jack Ryan é seu personagem mais famoso e que já vivido nos cinemas por Harrison Ford e Tom Cruise;

4 - Frederick Forsyth: Mais um britânico para a lista. Estreou com certo estouro com o romance O dia do chacal.Seus romances marcados pela política internacional, não é marcado por um personagem particular, e não há necessariamente um espião, caso de Dossiê Odessa em que um repórter alemão-ocidental acaba envolvido numa teia de espionagem e flerta com a conspiração;

5 - Robert Ludlum: Escritor americano legou aos romances de espionagem outro icônico personagem que ganhou diferentes adaptações para o cinema, Jason Bourne, que inclusive teve sequência póstuma com três romances escritos por Eric Van Lustbader;

6 - Graham Greene: Autor de contos e romances, sua obra mais notória é Nosso Homem em Havana que em 1959 foi adaptado num filme também bastante celebrado pela crítica. Greene e mais um da lista a estar envolvido com o MI6 e suas narrativas carregam algo de autobiografia, especialmente com os lugares por quais viajou;

7 -  Daniel Silva: O escritor luso-norte-americano é um dos grandes nomes da nova geração dos autores de espionagem. Protagonizados por Gabriel Allon, a série de livros seria levada aos cinemas, mas por enquanto o projeto ainda são se concretizou;

8 -  Philip Kerr: Mais um nome da nova geração o escritor escocês é conhecido por sua série com Bernie Gunther que se passa numa Alemanha nazista e conta com 14 obras publicadas desde sua trilogia inicial;

9 - Jason Matthews: Outro da nova geração, ex-integrante da Diretoria de Operações da CIA, o atual Serviço Clandestino de Defesa. Em 33 anos de carreira, ele serviu em muitos postos no exterior, dedicando-se à coleta de informações de inteligência, sobretudo em países hostis. Sua obra mais famosa é Operação Red Sparrow;

10 -  Ken Follett: O autor é mais lembrado como romancista histórico, contudo, muito de sua bibliografia carrega a temática da espionagem em seus romances de ficção. Em sua não-ficção O Voo da Águia é outra obra que trata de espionagem e ações táticas.

Nenhum comentário