10 Considerações sobre O Homem Mais Procurado ou porque nunca confiar nas autoridades...

O Blog Listas Literárias leu O Homem Mais Procurado, de John Le Carré, publicado pela editora Record em uma edição com a capa do filme inspirado no livro; Neste post as 10 considerações sobre a obra:

1 - O Homem Mais Procurado, de John Le Carré reúne personagens vigorosos juntos em uma trama de espionagem que reflete em seu plano de fundo a dificuldade com as quais as autoridades lidam com possíveis ameaças, especialmente deste período pós 11 de setembro;

2 - É o que acontece com a história do jovem Issa cujos pesadelos de seu passado atormentam-o mesmo quando ele pretende corrigir erros que sequer são seus. É a partir da tentativa de Issa em encontrar um futuro que o une a idealista e ativista Annabel e ao banqueiro Tommy Brue, pessoas que verão na prática como a espionagem pode atropelar suas vidas;

3 - Assim, o livro é na verdade uma grande rede de fios que vão se tecendo para seu final, ate que surpreendente; um desfecho que leva ao leitor reflexões importantes quanto a forma com que as organizações do estado agem e como o jogo de interesses e conflitos podem mexer com a vida alheia;

4 - Como um livro de espionagem, O Homem Mais Procurado reflete justamente as ações de inteligência, revelando o planejamento e a elaboração de missões, e todo o jogo de convencimento necessário entre as partes envolvidas; Desta forma teremos na obra muito mais astúcia, do que propriamente ação;

5 - Agora, um dos elementos interessantes da narrativa de Le Carré é a voz que ele utiliza para seu narrador em terceira pessoa, pois este muitas vezes acaba por tomar a voz dos próprios personagens, permitindo que o leitor tenha uma grande noção dos diferentes pontos de vista presentes no livro;



















6 - O livro ainda é uma interessante peça de discussão quanto aos direitos humanos, especialmente confrontando o conceito de justiça muitas vezes aplicados depois dos atentados de 11 de setembro, pois embora com a história distante de tal evento, é este porém, o responsável pelos ecos na trama de O Homem Mais Procurado;

7 - Obviamente o livro reforça aquilo que todos nós já sabemos: nunca confie em agentes secretos, afinal eles são tão somente as mãos que executam as ordens das mentes burocráticas; e nesse campo não há qualquer espaço atitudes humanitárias;

8 - Le Carré aproveita também a obra para através de Issa trazer um pouco do mundo muçulmano ao leitor, embora este seja um olhar ocidental sobre o assunto;

9 - Somando tudo, o livro é um trabalho que fala sobre valores, inclusive sobre suas próprias distinções, já que são os valores e conceitos nos quais acreditam seus personagens que tornará a obra mais profunda;

10 Enfim, O Homem Mais Procurado é uma excelente leitura, inteligente e bem estruturada, capaz de submergir seu leitor no mundo da espionagem e dos temores em relação ao terrorismos acentuados após 11 de setembro, o que neste trabalho acaba justificando muitas ações que levam ao leitor a refletir sobre quais são os limites do poder.



10 Considerações sobre O Homem Mais Procurado ou porque nunca confiar nas autoridades... 10 Considerações sobre O Homem Mais Procurado ou porque nunca confiar nas autoridades... Reviewed by Douglas Eralldo on quarta-feira, outubro 01, 2014 Rating: 5

Nenhum comentário