10 Considerações sobre Como se Apaixonar, de Cecelia Ahern ou porque é preciso ajudar os outros

No Resenha da Patroa de hoje a Gi nos apresenta suas 10 considerações sobre Como se Apaixonar, de Cecelia Ahern publicado pela editora Novo Conceito, confira:

1 - Como Se Apaixonar é um romance que mescla drama, amor e comédia numa obra que envolve a leitora na história de Christine, com suas paixões e maluquices;

2 - Com isso o romance aborda a influência dos livros de auto-ajuda, especialmente quando se resolve seguir ao pé da letra ou então ter sua vida dirigida poe este tipo de publicação, que é  o caso de Christine;

3 - Christine também coloca em xeque questões como o casamento ao apresentar uma relação marcada por certo comodismo e conveniência numa relação em que desconhece o amor. Sua experiência pessoal, porém será posta em dúvida quando ela começa a questionar sobre a finitude da vida, principalmente suas relações e escolhas diante de uma consciência de não-felicidade;

4 - Então a partir disso ela começa a romper com tudo aquilo que ela não vê mais sentido, rompimentos é claros que não são fáceis, visto que provoca uma série de mudanças em sua vida e na vida de pessoas que a cercam. E como rompimentos geram contrariedades, sua nova postura também trará problemas;

5 - Além deste rompimento, Christine também passa a sentir uma forte necessidade de ajudar os outros, e acaba envolvendo-se numa série de ligações com suicidas, e esse é o ponto de partida de sua relação com Adam ao passo que precisa demonstrar a ele que viver vale a pena;

6 - No fundo, a história dos dois fala do valor das pequenas coisas e da necessidade de valorizarmos cada novo dia, coisas estas que nem sempre são observadas, mas que são necessárias para fazer tudo valer a pena, e principalmente, buscar a maior presença possível da felicidade;

7 - Portanto, vemos na obra temas como depressão, incompreensão e as possibilidades de realizações quando nos tornamos "donas" de nossas próprias escolhas, algo que importa muito para Christine e Adam;

8 - E ao apresentar a história dos dois, o livro passa a mostrar o amor como construção, um contraponto, inclusive, ao casamento sem paixão de Christine, e tudo isso problematizado com a necessidade dela promover o reencontro de Adam com sua ex-namorada;

9 - No entanto, ainda que com bastante carga dramática, no livro tudo é contrabalanceado com bastante humor através da condução em cenas bastante divertidas nas quais Christine se envolve e protagoniza;

10 - Enfim, Como se Apaixonar é um livro que mexe com as emoções das leitoras, do sorriso ao choro, e claro, passando por um pouco de raiva com os sofrimentos impostos à Christine. Certamente uma boa leitura para quem gosta de histórias apaixonantes.


 
10 Considerações sobre Como se Apaixonar, de Cecelia Ahern ou porque é preciso ajudar os outros 10 Considerações sobre Como se Apaixonar, de Cecelia Ahern ou porque é preciso ajudar os outros Reviewed by Douglas Eralldo on terça-feira, outubro 27, 2015 Rating: 5

Nenhum comentário