10 Incríveis pais da literatura

Final de semana é dia dos pais galera, por isso hoje o Listas Literárias preparou uma seleção com 10 dos grandes e incríveis pais da literatura, e aqui o incrível não é pelo papel, mas sim pelas coisas legais que esses pais fizeram, confira:

1 - Chris Astor: Esse pai em A Menina que Semeava é espetacular, e além de lidar com uma ex-mulher intragável, o cara faz de tudo para amenizar o drama da filha, vítima de um câncer mortal, criando um mundo incrível para compartilhar com a garota em uma história, muito, muito emocionante;

2 - Atticus Finch: Um dos mais iconográficos personagens da literatura americana, entre suas características está o imenso respeito que possui pelos filhos;

3 - Jor-El: Criado pelos quadrinhos, o pai que tratamos aqui é o de Os últimos Dias de Krypton em que Kevin J. Anderson se dedica a contar a história deste pai que fez de tudo para salvar seu planeta e lutou até o fim para que seu filho sobrevivesse, e depois viesse a ser conhecido como o Super-Homem;

4 - Rawbone: Este pai de O Credo da Violência talvez não merecesse estar na lista, mas como a ideia também é a da redenção, no livro uma grande distância pode ser diminuída quando duas pessoas se entregam ao perdão e à compreensão;

5 -  Eddard Stark: A fantasia não é um ambiente amistoso com pais, mas este é um bom exemplo de lidar com justiça e compreensão com os filhos, cujo grande legado são os ensinamentos e os exemplos que ele procura deixar com os "lobos" Stark;

6 - Arthur Weasley: Esse aí é paizão hein, tanto para sua penca de filhos, os quais trata sempre com muito amor e carinho, como também com seus agregados como Hermione e Harry que também acabam vendo no Sr. Weasley um figura pra lá de paternal;

7 - Mestre Kaitio: O pai de Noria de Memória da Água além de um pai responsável e que acaba criando a filha sozinha, é quem lhe passa a tradicional arte da cerimônia do chá, tudo isso num mundo desértico e devastado pela guerra;

8 - Jim Vance: Em Homens, Mulheres & Filhos em meio a famílias envoltas pela bizarrice sexual, Jim é o pai centrado e "normal" cuja atitude acaba sendo refletida no equilíbrio familiar;

9 - Joseph Cornwall Adams: Um típico pai "fora da casinha" mas que cuida muito bem do seu casal de gêmeos em Sociedade dos Meninos Gênios. confiando e dando liberdade aos dois jovens;

10 - Nick Cooper:  No recente Brilhantes, de Marcus Sakey este jovem pai e agente federal acaba fazendo de tudo para proteger os filhos, principalmente quando os pequenos são postos em perigos por essa sociedade dividida, ou que então ficam sob a mira dos malvados.

E vocês, lembram de algum grande pai na literatura?
10 Incríveis pais da literatura 10 Incríveis pais da literatura Reviewed by Douglas Eralldo on sábado, agosto 08, 2015 Rating: 5

Nenhum comentário