10 Considerações sobre Floresta Sombria, de Matt Haig, ou por que florestas, mesmo sombrias, são legais...

O Blog Listas Literárias leu Floresta Sombria, de Matt Haig, e publica nesta lista suas 10 considerações sobre o livro: 

1 - Floresta Sombria, de Matt Haig é uma leitura dinâmica e cheia de movimento, conseguindo reunir na história dos irmãos Samuel Blink e Martha Blink todos os elementos essenciais de um excelente conto de fadas;

2 - Bebendo de toda a aura mística de uma misteriosa e sombria floresta na Noruega, Haig nos apresenta criaturas fantásticas, num enredo envolvente como só as melhores aventuras juvenis podem nos proporcionar;

3 - No entanto não imagine que o livro traga apenas leveza e magia em sua estória, pois mesmo assuntos delicados como a morte, e de como ela pode afetar crianças atingidas por tragédias acachapantes dão a tônica do livro, e revelam o talento especial do autor em criar e apresentar tais tragédias, mesmo que se com a leveza da boa pitada do humor;

4 - E é a narrativa fluente e bem-humorada do livro que cadencia seus momentos sombrios, e acaba tornando a leitura muito rápida e prazerosa, que quando nos damos conta, o livro chegou ao sim fim;

5 - Além disso, a trama traz exemplos de redenção, de amizade, de amor, e também de obstinação e coragem, como a atitude de Samuel, mesmo conhecendo os perigos da floresta adentra nela para resgatar sua irmã;

6 - Dentre todas as criaturas fantásticas do livro, a que mais me encantou foi o Pixie da Verdade, que mesmo querendo ver cabeças explodindo na sua frente, jamais, jamais mesmo consegue falar uma mentira;

7 - Já a figura do Transformador também consegue encarnar com grande sucesso o típico antagonista, moldado por suas atitudes e que por não saber lidar com as adversidades e a gozação, acaba se tornando alguém muito mau. 

8 - Até mesmo sobre a fé, e a crença no paraíso, o autor consegue emitir uma crítica interessante em uma passagem do livro envolvendo coelhos, e uma família de trolls faminta;

9 - E antes que vocês pensem que não vou falar sobre ela, mais do que sombria, a floresta é fantástica, não somente por suas árvores enormes, e sim por todas criaturas que a habitam, com seus poderes e com suas magias, que certamente encantarão a todos;

10 - Enfim, Floresta Sombria, é um livro juvenil, mas não tenho dúvidas que é capaz de encantar a todas as idades com sua narrativa divertida (mesmo quando as coisas pesam), a forma do autor se comunicar com os leitores, mas essencialmente por ser tratar de uma excelente estória executada com maestria, onde o leitor junto de Samuel e Martha pode desvendar os mistérios da floresta num clima de aventura do início ao fim do livro; 



10 Considerações sobre Floresta Sombria, de Matt Haig, ou por que florestas, mesmo sombrias, são legais... 10 Considerações sobre Floresta Sombria, de Matt Haig, ou por que florestas, mesmo sombrias, são legais... Reviewed by Douglas Eralldo on terça-feira, abril 23, 2013 Rating: 5

Nenhum comentário