Header Ads

10 Escritores Famosos com Doenças Mentais

1 - Philip K. Dick: Em sua adolescência ele teria sido diagnosticado com esquizofrenia, fato que o aterrorizava. Para piorar o abuso com as drogas, especialmente alucinógenos como o LSD piorou o quadro. Diz-se que o romance seminal Valis só existe por causa de suas visões e alucinações. Em sua vida sofreu com vários colapsos nervosos, mas mesmo estes problemas não impediram que se tornasse um dos gênios que a literatura já criou, influenciando muitas gerações com sua biografia de sucessos literários;

2 - Franz Kafka: É geralmente aceito que Kafka sofria de depressão clínica e ansiedade social. Ele também sofria de enxaquecas, constipação, insônia, furúnculos, e outras doenças, todas geralmente provocada por tensões excessivas e luxações.

3 - Fernando Pessoa: Tido muitas vezes como bipolar, há também teorias que o colocam com Transtorno de Personalidade Múltipla, e embora isto seja muito polêmico, seus diversos pseudônimos, e as oportunidades que o poeta assumiu diferentes identidades corroboram com os que pensam desta forma;

4 - Sidney Sheldon: Em sua auto-biografia o autor revelou uma luta de anos contra o Transtorno Bipolar, e que chegou a contemplar o suicídio;

5 - Virginia Woolf: A autora teve sempre como grande problema a depressão. E sua última crise de depressão foi fatal levando-a ao suicídio com os bolsos do casaco cheios de pedras;

6 - Liev Tolstoy: Um dos maiores ícones da literatura russa, e do mundo teria sofrido com a depressão e tendências suicidas causadas por confusão mental, em meio a suas reflexões e pensamentos diante do mundo;

7 - Patricia Cornwell: Outra escritora a sofrer com o Transtorno Bipolar, o que acaba gerando a crença de que seja necessário a ela pessoas para gerenciar seus demais assuntos, principalmente para lhe evitar distrações de seu ofício principal que é a escrita de seus romances policiais;

8 - Sylvia Plath: Poeta americana reconhecida por sua escrita extremamente pessoal, foi diagnosticada com Transtorno Bipolar. Em um romance semi-autobiográfico ela narra experiências pessoais com a auto-mutilação, tentativas de suicídio, depressão, insônia, paranóia, e outras manifestações de seu diagnóstico;

9 - Graham Greene: Sofria de transtorno bipolar, que teve um efeito profundo em sua escrita e vida pessoal. Em uma carta à sua esposa Vivien ele lhe disse que ele tinha "um caráter profundamente antagônico à vida doméstica comum"

10 -Richard Brautigan: Escritor e poeta norte americano depois de ficar preso como desordeiro e cumprir pena de 7 dias Brautigan estava comprometido com o Hospital Estadual de Oregon, em Salem, para avaliação de seu comportamento. No hospital, Brautigan recebeu tratamentos de choque elétrico e foi diagnosticado como esquizofrênico paranóico.

16 comentários:

  1. Nossa não sabia sobre o Kafka O_O mas na vida não foi nada bom para eles mas na literatura foi formidável ne?

    ResponderExcluir
  2. Sobre Tolstoi a informação está errada.

    ResponderExcluir
  3. sou uma Poetiza e já sofri muito por depressão tentei auto suicídio mais me levantei e busquei toda ajuda que pude, as pessoas que estavam em minha volta não entendia minhas atitudes...Hoje estou bem me sinto uma pessoa calma e tranquila escrevo muito me ajuda e saber que a maiorias das pessoas com esquizofrenia são poetas me assusta um pouco... Não vejo desta maneira . Os Poetas são pessoas mais sensíveis incapazes de machucar alguém, ao contrario amam demais e por isto sofrem por eles e pelos outros.Quer cuidar do mundo e acaba deixando de viver seus próprios sonhos e mais se acovardam diante de uma decisão, e acaba tomando as decisões erradas e se frustando.

    Eliza Gregio

    Poesias em Cristal

    Mistério que a vida me revela!
    Cristal se manifestando em meu ser.
    Ela acorda meu imaginário aos beijos,
    Mostra-me que a vida e bela.

    Traz-me a inspiração, trasbordando meu ser.
    Vive só para me fazer feliz e me fazer sonhar.
    Tira todos meus espinhos, leva-me para o desconhecido,
    Mostra-se para mim, dizendo: “Sou sua alma sonhando”.

    Passou uma vida para te conhecer, entender os meus sonhos,
    Alma siamesa? Eu coração e a razão, você meus sonhos brotando
    Fazendo-me voar nos caminhos da poesia, traçando o meu destino.

    Eu, essa pessoa insegura, sofredora, que não tinha vida própria.
    Trouxeste-me sonhos, mostrou-me sua transparência cristalina,
    E a luz que punciona o meu ser, me fazendo viver.


    Eliza Gregio

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Eliza Gregio . Sou um artista plástico gostei muito de ouvir falar das suas poesias aqui pela a net . Gostaria de te conhecer . Responde por aqui pelo o blog .

      A minha alma é santa ,
      Está coberta com uma manta ,
      Não acredito em Cristo ,
      E tu não fazes disto um visto !

      És uma grande poeta ,
      E já atingiste a tua meta ,
      Deves ter um grande cofre ,
      Mas devias pensar no pobre !

      Os pobres que tanto precisam ,
      De pelo menos uns trocos ,
      E eles não frizam ,
      A dor que têm de estarem ocos !

      Esta é a minha poesia ,
      Que parece uma rumaria ,
      Está bem organizada ,
      Porque consegui fazê - la estar bem preparada !

      Excluir
    2. A
      aplausa a esta bela poesia

      Excluir
  4. sou uma Poetiza e já sofri muito por depressão tentei auto suicídio mais me levantei e busquei toda ajuda que pude, as pessoas que estavam em minha volta não entendia minhas atitudes...Hoje estou bem me sinto uma pessoa calma e tranquila escrevo muito me ajuda e saber que a maiorias das pessoas com esquizofrenia são poetas me assusta um pouco... Não vejo desta maneira . Os Poetas são pessoas mais sensíveis incapazes de machucar alguém, ao contrario amam demais e por isto sofrem por eles e pelos outros.Quer cuidar do mundo e acaba deixando de viver seus próprios sonhos e mais se acovardam diante de uma decisão, e acaba tomando as decisões erradas e se frustando.

    Eliza Gregio

    Poesias em Cristal

    Mistério que a vida me revela!
    Cristal se manifestando em meu ser.
    Ela acorda meu imaginário aos beijos,
    Mostra-me que a vida e bela.

    Traz-me a inspiração, trasbordando meu ser.
    Vive só para me fazer feliz e me fazer sonhar.
    Tira todos meus espinhos, leva-me para o desconhecido,
    Mostra-se para mim, dizendo: “Sou sua alma sonhando”.

    Passou uma vida para te conhecer, entender os meus sonhos,
    Alma siamesa? Eu coração e a razão, você meus sonhos brotando
    Fazendo-me voar nos caminhos da poesia, traçando o meu destino.

    Eu, essa pessoa insegura, sofredora, que não tinha vida própria.
    Trouxeste-me sonhos, mostrou-me sua transparência cristalina,
    E a luz que punciona o meu ser, me fazendo viver.


    Eliza Gregio

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Parabéns Elisa, lindo poema. Por favor, procure se informar mais sobre esquizofrenia que sua visão sobre o assunto é confusa. Pessoas com esquizofrenia são extremamente sensíveis e sofrem muito com os sintomas da doença e o estigma criado sobre ela. Devidamente tratadas podem ter uma vida normal.

      Excluir
    2. Olha fiz tratamento ate com psiquiatra que foi constatado uma depress~]ao mais hoje estou bem amigo

      Excluir
  5. Muito bom!
    Alguns escritores eu já sabia que tinham essas doenças, outros não!
    Acho interessante aqueles escritores que são disléxicos e mesmo assim escrevem boas obras.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá ! Eu sou disléxico e vou ser um artista plástico por causa da doença .

      Vou - te dedicar um poema , chama - se :

      Perigos da Internet !

      Hoje em dia ,
      Ninguém previa ,
      O desenvolvimento das novas tecnologias ,
      Que veio trazer a uns as mordomias !

      Na internet existe desconhecidos ,
      Para fazer o bem ou o mal ,
      Os desconhecidos não andam adormecidos ,
      Não pensam com a cabeça e só estão pelo o bocal !

      Gostaria que me dissessem se isto está bom !?

      Excluir
  6. Surpreendente! Realmente não fazia ideia sobre o Sidney Sheldon.

    http://www.umarcoirisdeletras.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  7. Depressões ou assim !

    Doentes mentais são sensíveis ,
    Fazem coisas imperdíveis ,
    Mas se querem que vos diga ,
    São trabalhadores e por vezes acusam fadiga !

    Os doentes mentais dizem coisas bonitas ,
    Boas como as batatas fritas ,
    São todos muito sábios ,
    Entrelaçam entre os lábios !

    Agradecimentos de um disléxico , futuro artista !

    ResponderExcluir
  8. Fico grilado em saber como as mentes mais brilhantes e criativas sao transtornadas...isso de fato,me leva a crer que a "loucura",e a propia genialidade

    ResponderExcluir
  9. Segundo especialistas são pessoas muito inteligentes e criativas. Acima da média e a dificuldade em direcionar esta qualidade para algo produtivo pode provocar a doença mental. Aqueles que conseguem expressão através da arte frequentemente alcançam a genialidade.

    ResponderExcluir