10 Formas para o fim do mundo segundo a literatura

1 - Reúna 4 cavaleiros "faca na bota": Pois é justamente o livro mais vendido e lido no mundo que mais espalha o temor e a certeza que este mundo cairá. No Apocalipse do apóstolo João a visão de seus quatro cavaleiros faz tremer a espinha, profetizando tempos de peste, guerra, fome e morte. É certamente a forma de fim do mundo mais difundida e lida em livros; 

2 - Os inimigos vem do céu: É provável que você lembre-se do Tom Cruise correndo de alienígenas, e os gritos histéricos da Dakota Fanning a cada cagaço. Isso sem dúvida colaborou para dar visibilidade a obra imortal de H. G. Wells que em longínquos tempos já desenhou o fim do mundo sob intenso fogo inimigo, e alienígena;

3 - Ooops... Não deu certo: Pois é, na literatura os cientistas estão sempre com uma ideia genial, ou descobrindo uma coisa nova que parece bem legal... E é aí que as coisas dão errado, e eles veem que clonar DNA de dinossauros, ou vacinas que podem zumbificar e exterminar a humanidade até que reste um único homem não foi uma boa ideia...

4 - Cuidado com a bicharada: Não vai nessa, cães não são seus melhores amigos, e porcos não podem produzir bom bacon, e até mesmo os bichos podem se rebelar contra os homens... Em romances como O Planeta dos Macacos, os primatas aliás, revertem eras de dominação, e passam a reinar absolutos...

5 - Nunca confie em computadores. Nunca mesmo: "Muito cuidado com os poderes que vocês permitem a suas máquinas maravilhosas". O aviso de Hal 9000 é bem pertinente, e seja Numa Odisseia no Espaço, ou num Confronto narrado pelo horro de Stephen King, o mundo pode acabar num erro de computador em um nanosegundo... 

6 - Cuidado, os mortos caminham: Não importa se evocados pelos poderes sobrenaturais ou por uma aberração científica, o fato é que quando os mortos decrépitos e putrefatos começam a caminhar pelas páginas da literatura, o mundo está geralmente perto do fim, tendo sempre mais espingardas do que dedos para apertarem seus gatilhos...

7 - Criaturas mágicas e sobrenaturais adoram destruir nosso mundo: Sejam os deuses contra Percy Jackson, ou os abomináveis e temidos Sem-Rosto caçados por Sr. Ardiloso Cortês, a literatura nos mostra que criaturas mágicas ou sobrenaturais detestam seus mundos encantados e cheios de magia, e sua diversão principal é causar sérios danos em nosso mundo... 

8 - A mão (ignorante) do homem: Infelizmente as formas são várias, mas na maioria das vezes as catástrofes literárias pra o fim do mundo são consequências da ignorância da humanidade. Essas aliás, tendem sempre a ser as mais letais...

9 - A revolta da natureza: Em O Dia Depois de Amanhã, de Roland Emmerich há uma forma bem peculiar e que os noticiários parecem indicar que caminhamos que são as catástrofes climáticas;

10 - Somos pequenos, muito pequenos: Meu amigo, morar num planeta que não é maior que uma bola de gude azulada no imenso espaço não é lá grande coisa, especialmente se dermos de frente com uma esfomeada nave Vogon;
10 Formas para o fim do mundo segundo a literatura 10 Formas para o fim do mundo segundo a literatura Reviewed by Douglas Eralldo on quinta-feira, agosto 23, 2012 Rating: 5

Um comentário

  1. É a bíblia que esta mais correta, gerras destroem campos e limita a produção quem produz e industria ficam engajados na atuação bélica a fome e stress da guerra diminui a imunidade da população dai a peste tudo contribuindo para morte os quatro cavaleiros sempre andam juntos.

    ResponderExcluir