quinta-feira, 18 de março de 2010

10 livros polêmicos e provocadores

1 - Os 120 dias de sodoma, de Marques de Sade:
O marques desce aos mais profundos e mais sujos níveis de egocentrismo humano, onde nada é sagrado: leis, país, vida, sexo, homens e mulheres. O estômago dos leitores é exigido ao extremo, e aos poucos vão descobrindo até onde vai os limites do erotismo de cada um.

2 - O código da vinci, de Dan Brown
 Sem entrar no mérito das concepções históricas, o livro mexeu e incomodou com as maiores hierarquias do vaticano, que inclusive chegou a recomendar que os católicos não lessem a obra. Além disso, a misteriosa Opus Dei foi apresentada de forma nem um pouco sútil no livro.

3 -Um adeus às esmolas, de Gregory Clark
Para muitos a tentativa do autor em tentar dizer que o sucesso e o fracasso estariam ligados a genética, e ao legado de seus antepassados, é de cunho racista. Sua teoria é provocadora, e como se diz, "dá pano pra manga."

4 - Laranja Mecânica, de Anthony Burgess
Burgess revelou a delinquência e a violência  em londres conduzidas por gangues de adolescentes, que depois de reabilitados sofrem abuso da própria  sociedade que os reabilitou. O livro sofreu muitas censuras, e críticas, e o próprio autor disse-se arrenpendido por tê-lo escrito. Não deveria, sua obra foi marcante, e ainda é muito atual.

5 - Guia politicamente incorreto da história do Brasil, de Leandro Narloch
 Jogue fora todos os seus livros de história, do 1º ao 2º grau, eles te ensinaram tudo errado. Neste livro o autor reedita a história do Brasil, e nos conta tudo diferente, inclusive que Zumbi fazia outros escravos trabalharem a força no quilombo. [Achou interessante, compre o seu aqui]

6 - Verdades da história contemporânea, de Toshio Tamogami
O chefe do estado-maior da força aérea japonesa resolveu fazer um ensaio onde defendeu que  o país não foi agressor durante a 2ª guerra mundial. Perdeu o emprego por isso!

7 - Inquérito sobre Jesus, vários autores
Quer polêmica?estare entre os mais vendidos?Então questinone a veracidade histórica de momentos bíblicos. É o que os autores fazem nesta obra, que entre outras coisas dizem haver a possibilidade de que a ressurreição de Cristo poderia ter sido uma alucinação coletiva de seus discípulos. Obviamente não agradou o Vaticano.

8 - .Roberto Carlos em Detalhes, de Paulo Cezar Araújo.
A idéia de escrever a biografia não autorizada do Rei, só não agradou ao próprio. O rei processou o escritor, e a obra foi censurada, sendo retirada das livrarias.

9 - Planaltos no chão, de Natalia Viana:
Falar de assassinos e políticos, ou quando as duas coisas se juntam é para corajosos. É o que faz a autora ao denunciar assassinatos políticos no brasil, entre os anos de 2003 e 2006.

10 - O símbolo perdido, de Dan Brown
Dan Brown gosta mesmo de mexer em "vespeiros".Dess vez a maçonaria outra intituição detentora de mistérios da humanidade foi devassad pelo autor.
Reações:

3 comentários:

  1. Amei essa lista! Só li Laranja Mecânica (e adoro), estou lendo O Código, mas O Símbolo Perdido e O Guia Politicamente incorreto estão na lista.

    allstarejeans.blogspot.com

    ResponderExcluir
  2. Nunca li nenhum desses livros, vou ler Laranja Mecânica. Há muito tempo vi o filme, não me lembro mais de quase nada. Livros que nos indgnam, com certeza são os melhores. Aprendemos com eles!

    ResponderExcluir
  3. Gostemos da lista! Sempre acompanhamos este blog. Inclusive replicamos no nosso Blog. Mas, gostaria de alertar que este post tem alguns erros acidentais no texto. Nomes próprios com letra minúscula (vaticano, da vinci), acentuação (sútil) e ausência de letras (devassad). Parabéns pelo Blog. Veja o post publicado no nosso Blog http://bibliotecaprt21.wordpress.com/?p=12282

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...