Header Ads

10 Previsões literárias para 2020

Ah tá que não íamos como a grande mídia trazer aquela pautinha certeira dessas épocas. Sim, fomos consultar as mais altas esferas do sobrenatural para ir à fundo nas mais acertadas previsões futurísticas do futuro ano de 2020. Sim, abusamos de poderes insondáveis e perigosos para prever o que acontecerá com a literatura em 2020. Confira:

1 - Fogueiras, Fogueiras, Fogueiras!: Vai ser São João o ano inteiro e não haverá falta de notícias de livros queimados das mais diversas formas. Sim, é inacreditável, coisa que ninguém vai acreditar, mas no Brasil de 2020 será intenso o processo de tentativa de censura a diferentes narrativas, literárias ou não. Sabemos que é difícil acreditar, mas os astros ocultos indicam piras de gente doida dançando ao redor de livros que queimam;

2 - Terroristas de Direita e Molotov: Os astros confirmam a paixão dos direitistas nacionais por táticas de revolucionários esquerdistas. Não vai faltar Molotov em locais frequentados por autores suspeitos de comunismo marxista anticristão. E não fique sorrindo pseudo-autor  ou editor de direita, pois na primeira tentativa de você repensar criticamente algo, será engolido pelo totalitarismo que propagou;

3 - Literatura da tradicional família brasileira: Ainda que incipiente, os astros sobrenaturais indicam a tentativa de um novo movimento literário com intenções de resgatar os valores tradicionais da família brasileira, algo que virá a ser chamado por seus detratores de  tapetismo, ou a velha arte de jogar para debaixo do tapete as merdas e manter uma superfície de aparência;

4 - Editoras perseguidas: Dominadas pelo plano globalista marxista, as editoras serão fortemente atacadas em 2020, o que dificultará o surgimento de novas apostas, e em alguns casos, o temor impedirá grandes bombas de ganharem o prelo. Ainda assim elas resistirão;

5 - Enquanto isso: A visceralidade deste tempo será encontrada nas obras independentes ou em obras digitais, livres de qualquer mediação. Nesse submundo literário as raízes, apontam os astros da Grande Revolução Nacional que deve explodir por volta de 2026 e 2030. Segundo os astros essas variáveis ainda não permitem assertividade maior. Mas o fato dizem eles que quem quiser encontrar o desencanto radical deste período deverá procurar entre autores marginais;

7 - Coisa básica: Ah, as vibrações do universo, embora simples, mandam dizer também que é possível que no vindouro ano um grande fenômeno das livrarias chegue com força;

8 - Confusão e cancelamentos: O que não vai faltar em 2020 é confusão em eventos literários. Os terroristas de direita vão agitar o coreto e onde houver algum autor suspeito de atentar contra os valores morais estabelecidos por eles, vai ter confronto. É possível que eventos sejam cancelados;

9 - O projeto de lei: Outra coisa que os astros nos gritaram de megafone é que pode ser que um deputado ou uma bancada aí venha propor em 2020 que só se publiquem obras de fervor religioso como projeto de resgate nacional. Nesse mesmo projeto toda a historiografia literária nacional vai ser declarada como inimiga da nação;

10 - Resistência: Mas dizem os astros que a cada novo aperto da tirania ignorante contra a intelectualidade e a cultura fortalecerá a resistência, assim como num Fahrenheit 451 os leitores disseminarão ainda mais a importância da boa e libertadora literatura. Suspiram as forças sobrenaturais que na história do mundo gente bem mais inteligente já tentou sem sucesso bloquear o conhecimento, a cultura e o intelecto, e é bem provável que tacanhos brasileiros é que ão o consigam.

Nenhum comentário