Header Ads

10 Livros de Cecília Meireles para ter na sua estante

Cecília Meireles é uma das principais autoras da literatura brasileira e também bastante popular entre internautas. Além de escritoras, professora e pintora, Cecília deixou um vasto trabalho publicado; neste post selecionamos 10 livros da autora para sua estante, confira:

1 - Box com poesia completa: Traz agora ao público leitor sua Poesia completa, em dois volumes, reunindo a totalidade da produção poética da autora. A edição traz desde seu livro de estreia, Espectros (1919), até o livro Crônica trovada da cidade de San Sebastian (1965), publicado postumamente. Por meio desta edição, os leitores têm à sua disposição a oportunidade ímpar de fruir do puro e íntegro diamante de uma artista dos versos de primeira grandeza... + no Submarino

2 - Romanceiro da Inconfidência: Recria os dias repletos de angustias e esperanças do final da década de 1780, em que um grupo de intelectuais mineiros sonhou se libertar do domínio colonial português e do desastre que se abateu sobre as suas vidas e a de seus familiares. Utilizando a técnica ibérica dos romances populares, atenta aos autos do processo, as cartas, aos testamentos, a pintura, as modinhas, as estatuas dos profetas de Aleijadinho, a poeta recria com intensa beleza o cotidiano, os conflitos e os anseios daquele grupo de sonhadores... + no Submarino

3 - Janela Mágica: Nesta seleção de crônicas direcionada aos jovens leitores, assistimos nossa grande poeta concebendo coloridos retratos que mostram as diferenças entre o mundo que conhecemos e aquele que gostaríamos de conhecer. Com ilustrações de Orlando Pedroso, que dão vida às crônicas, a obra fala sobre a relação do homem com os animais, sobre o desmatamento urbano, o esvaziamento do sentido do Natal e muito mais... + no Submarino

4 - Escolha seu sonho: Aborda, em textos curtos, elementos e acontecimentos que partem de um cotidiano rotineiro e criam asas, vidas, cores... Da vida real, saltam para o universo mágico e para o terreno dos sonhos... + no Submarino

5 - Ou Isto Ou Aquilo: Cantigas de ninar, cantigas de roda, parlendas, trava-línguas e adivinhas originários do folclore são formas de expressão muito próximas do mundo da criança e com efeitos estéticos bastante sugestivos, criativos e lúdicos... + no Submarino

6 - Viagem: Agraciado com o prêmio de poesia da Academia Brasileira de Letras, em 1938, e publicado em Lisboa no ano seguinte, este livro representa uma viragem na poesia moderna. Foi ele o passo inicial para a escritora ser apontada como a maior poetisa da língua portuguesa... + no Submarino

7 - Griroflê, Giroflá: Tocada pelo universo de encantamento da Índia, Cecília Meireles resgatou o uso que se fazia desse vocábulo, adotando-o no título deste livro... + no Submarino

8 - O Aeronauta: O livro publicado em 1939 que a consagrou entre as principais vozes da poesia em língua portuguesa. Mais uma vez temos a poeta viajante, que segura o leitor pela mão para uma inédita experiência de viagem aérea, ligada aos mistérios que regem nossa condição humana e terrestre... + no Submarino

9 - Olhinhos de Gato: O livro foi revelado pela escritora como um exercício ficcional inspirado fortemente em seus tempos de criança. ... + no Submarino

10 - Diário de Bordo: O relato de uma viagem marítima, com destino a Portugal, que durou 22 dias. Os textos, em bela prosa, descrevem, inúmeras vezes, o matrimônio entre os mistérios do oceano e os céus enormes, em que procurou captar as constantes mudanças de cor e movimento, conforme as horas do dia, as nuvens, a força e a direção dos ventos. A obra é composta também por ilustrações de Fernando Correia Dias, artista plástico português e marido da poeta, que a acompanhou nessa viagem... + no Submarino

Um comentário:

  1. Caramba, me surpreendi, pois tenho mais da metade desses livros na minha estante (partiu correr atrás dos outros 4).

    Uma pergunta, você aceita parceria? É que criei um blogger, onde pretendo publicar meus contos, poemas e, até mesmo, livros. Desde já, obrigado!

    ResponderExcluir