Header Ads

10 Incríveis softwares da literatura

A literatura com sua capacidade de "ler" o mundo, não é de agora que observa o impacto das tecnologias na sociedade, e na maioria dos casos traz geralmente um alerta que inevitavelmente também é ignorado. Neste post selecionamos 10 incríveis softwares da literatura, confira:

1 - Matrix: Em Neuromancer, essa tecnologia é o próprio espaço virtual e acaba criando o conceito de realidade alternativa da computação, base que cria todas as condições para o filme dos Wachowski;

2 - HAL 9000: Outra inteligência artificial algorítmica quem em 2001: Um Odisseia no Espaço ocupará o papel de vilão na obra de Clarke já discutindo nossa concessão de grande poder aos softwares de modo a discutir o perigo de essas tecnologias voltarem-se contra os humanos;

3 -  TRANSLTR: Antes de Edward Snowden, Dan Brown abordara o grande poder de vigilância da NSA por meio deste potente software de espionagem e inteligência, numa obra que se não tão famosa quanto O Código Da Vinci, eletrizante como;

4 -  Fortaleza Digital: O vírus de computador super poderoso capaz de torrar os vigilantes computadores da NSA no romance homônimo de Dan Brown;

5 - 3corpos.net: O software desta ficção chinesa "o problema dos três corpos" é um jogo em realidade virtual com muita matemática, e, claro, a preparação de uma invasão alienígena à terra;

6 - Cockie Monster: No romance de Vernor Vinge temos um "cookie" transmitindo informações de séculos de tempo, numa obra que aproxima softwares e a mente humana. A obra venceu, inclusive o Prêmio Hugo;

7 - Wintermute: A inteligência artificial mais poderosa em Neuromancer e que age de modo a buscar controlar a própria matrix;

8 - Gerador de Improbabilidade Infinita: Provavelmente a tecnologia mas famosa e lembrada de O Guia do Mochileiro das Galáxias graças a sua capacidade de ultrapassar os limites da hipervelocidade;

9 - Jane: Inteligência artificial que atua na rede de comunicação de naves na série de livros O Jogo de Ender;

10 - Daemon: Um programa de computador que se ativa a partir do obituário de seu programador numa trama com computadores e detetives.

Nenhum comentário