10 Considerações sobre Hecatombe Hipotética, de Claudia Gomes ou como procurar por si em versos

O Blog Listas Literárias leu Hecatombe Literária, de Claudia Gomes; neste post as 10 considerações de Douglas Eralldo sobre o Livro, confira:

1 - Hecatombe Hipotética é uma interessante coletânea de poesias que respiram as influências e as heranças de diferentes escolas brasileiras e é marcada por certa diversidade temática e uma precisão cirúrgica de suas palavras em versos;

2 - Entretanto, ainda que haja uma diversidade nas poesias que compõe o livro, poderíamos dizer que duas vertentes destacam-se mais nos versos de Claudia, alguns dotados de sensualidade tendo o sexo como elemento estruturante, enquanto outros, possivelmente os mais densos e esféricos da coleção, versam de uma busca pelo próprio eu de seus "eus líricos" que clamam por uma auto descobrimento pessoal;

3 - E a autora nos apresenta seu lirismo mesmo que com outras influências e referências majoritariamente nos versos livres disseminados a partir da poesia modernista. Na verdade, para esta obra a ausência da métrica e quase sempre das rimas funciona bem ao nos transparecer essa precisão do que se quer dizer;

4 - Todavia, ainda que boa parte dos poemas estejam centrados na sensualidade e na busca do eu, alguns como o caso de "ponderando sobre você num dia de frio"em que estamos diante de versos românticos de um eu lírico feminino que sofre pelo amor não correspondido de um homem que contrapõe outros poemas claramente feministas da publicação;

5 - Também é interessante como de forma simples mas precisa a autora produz versos visuais em determinados poemas demonstrando capacidade de brincar e jogar com as palavras como é o caso do poema "sensualidade natural"

6 - Além disso, perceberemos em muitos de seus versos as contradições das antíteses, algo característico e peculiar em especial a sua poesia que tenta encontrar seu lugar no mundo, como veremos em muitos poemas reunidos no livro;

7 - Do mesmo modo, seus poemas quando esféricos abrem uma série de portas interpretativas que banhados de certa lascívia ou mesmo violência constroem uma significação que faz o leitor refletir como no caso de "violência", ou então de "incompreendida" cujos versos desenham uma metamorfose transformando a presa em predador;

8 - A coletânea abre ainda espaço para a metalinguagem, a poesia falando da poesia, a criatividade falando da criatividade como veremos em "poesia nua" e "hecatombe hipotética";

9 - Tudo isso porque algo que torna-se claro a nós leitores que os versos impressos nos papeis desta coleção voejam de uma alma leitora sendo alicerçado por uma leitura formativa que embebe a criação de Claudia numa espécie de autoantropofagia semelhante ao que vemos nos versos de "moça que se devora"

10 - Enfim, Hecatombe Hipotética é uma demonstração promissora de uma jovem poeta que conhece e demonstra ter domínio de suas escolhas literárias com seus versos em pleno aquecimento de um barro que poderá gerar bons vasos.



10 Considerações sobre Hecatombe Hipotética, de Claudia Gomes ou como procurar por si em versos 10 Considerações sobre Hecatombe Hipotética, de Claudia Gomes ou como procurar por si em versos Reviewed by Douglas Eralldo on sexta-feira, agosto 26, 2016 Rating: 5

Nenhum comentário