10 Considerações sobre Os Filhos da Scarlatti, ou porque a grama cresce em moitas

O Blog Listas Literárias leu Os Filhos da Scarlatti, da série Infinity Drake, de John McNally, publicado pelo selo #irado da Editora Novo Conceito; Nesta lista as 10 considerações sobre o livro:

1 - Infinity Drake: Os Filhos da Scarlatti, de John McNally é puro entretenimento com muita ação, aventura, bom humor, e cenas em que palavras transformam-se em imagens cheias de efeitos especiais que marcam a natureza fantástica desta jovem ficção científica; 

2 - A série do garoto Finn Drake substitui a magia pela ciência, mas no entanto sem perder a natureza mágica, pois o mundo que se amplia a um garoto de 9 mm é um universo totalmente novo tal como Nárnia, a Terra Média, ou outros mundos da fantasia;

3 - Os Filhos da Scarlatti desenvolve-se pela ação e por seus personagens peculiares e distintos, sendo sua narrativa dirigida como se fosse um filme, com seu desenvolvimento, pontos de virada, e desfecho eletrizante como que se esse livro tivesse nascido sabendo que fatalmente irá parar nas telas de TV's ou Cinema;

4 - Obviamente por seu tom caricato e escrachado o livro não se tornará refém da verossimilhança, no entanto essa viagem narrativa que mais conta uma aventura do que se preocupa ater-se em detalhes resulta em diversão do princípio ao fim;

5 - Aliás, embora numa narrativa construída em livro este é um texto claramente influenciado pela animação, cinema e especialmente pelas HQ's, que pode ser percebido claramente na estrutura e formação de seus personagens, e até mesmo nas sempre presentes onomatopeias durante toda a leitura;



















6 - Mais uma vez sinto a necessidade de falar da qualidade de material de produção do selo #Irado, pois esta edição de Infinity Drake com capa dura é um ótimo presente para jovens leitores (e não só jovens) pois se trata de um belo livro; um belo presente;

7 - Inclusive, confesso que a capa deste livro fez-me subi-lo algumas leituras em minha lista da editora, pois sua composição, embora talvez carregada de elementos, me lembrou aquelas embalagens de energético, o que de certa forma traduz o conteúdo do livro, cheio de energia e ação;

8 - Para quem assim como este blogueiro é das mais antigas, este livro parece relembrar clássicos como desenhos do Comandos em Ação com o filme Querida Encolhi as Crianças, o que o tornará não somente uma leitura divertida para os jovens de hoje, mas também para que é jovem a um pouquinho mais de tempo;

9 - Além disso, me parece ser uma curiosidade compartilhada por muitos a de querer se tornar uma miniatura para então ver o nosso mundo sob uma nova ótica; Infinity Drake de certa forma nos ajuda com esta fantasia em sua aventura cheia de insetos gigantes, pássaros assustadores, e inventos científicos para lá de bacana;

10 - Enfim, Infinity Drake - Os Filhos da Scarlatti é uma leitura para quando você busca por diversão e aventura nas páginas de um livro;


 
10 Considerações sobre Os Filhos da Scarlatti, ou porque a grama cresce em moitas 10 Considerações sobre Os Filhos da Scarlatti, ou porque a grama cresce em moitas Reviewed by Douglas Eralldo on terça-feira, agosto 12, 2014 Rating: 5

2 comentários

  1. Ainda não conhecia, gostei da dica.

    Gostei muito do seu blog, pois não prende se a lançamentos, mas a clássicos também.

    ResponderExcluir
  2. Realmente as edições da #irado estão muito bonitas. Bom, graças ao Blog, terei que incluir mais este título em minha lista de leitura.
    Parabéns pelo blog.

    ResponderExcluir