10 Curiosidades sobre a literatura de zumbis no Brasil

Sim, os mortos-vivos ainda parecem ter fôlego suficiente para gerar boas discussões no mercado editorial brasileiro. Obviamente entro num território suspeito, mas hoje resolvi abordar algumas curiosidades sobre os zumbis e a literatura brasileira. Nesta lista 10 curiosidades sobre a produção nacional de zumbis:

1 - Seria o primeiro?: Não há uma definição certa de qual o primeiro livro brasileiro de zumbis (o que aliás vale ressaltar não ser um gênero específico), mas é inegável que é impossível dissociar os mortos que retornam à vida em Incidente em Antares do renomado Érico Veríssimo a zumbis, e sendo ou não a obra taxada como "livro de zumbis" o fato é que os mortos-vivos lá estão! (Pra falar a verdade essa capa me parece muito zumbi!!!)

2 - Areia e mortos: Vale aqui fazer justiça que o escritor gaúcho Antonio Xerxeneski mesmo não sendo Areia nos Dentes um livro denominado como "de zumbis", eles estão lá na obra de 2008 cuja primeira publicação se deu pela Não Editora, e hoje é publicado por uma das principais editoras brasileiras, a Rocco;

3 - Antologia lembrada: Outro livro que é sempre lembrado quando se fala de zumbis no Brasil é a conhecida antologia Zumbis: Quem Disse que Eles Estão Mortos, organizada pelo escritor Ademir Pascale e publicada em 2010 pela All Print Editora. É possível dizer que esta iniciativa é certamente a primeira com o foco principal nos zumbis e nas características do subgênero;

4 - Não é o primeiro: E aqui, depois de algumas considerações já é possível perceber que Apocalipse Zumbi - Primeiros Anos, de Alexandre Callari publicado pelo selo Generale, e cuja intensa divulgação tenta vendê-lo como "primeiro livro brasileiro de zumbis" acaba não se sustentando. Aliás, na minha opinião, embora possa ajudar a vender, essa questão de determinados rótulos e muito sem sentido.

5 - Novidade: Para demonstrar que este tipo de literatura ainda está com vigor, semana passada foi divulgado que outra gigante editorial vai apostar nos zumbis, já que a Globo Livros será agora a casa de Branca dos Mortos e os Sete Zumbis, um livro reunindo contos do escritor brasileiro Fábio Yabu, publicado anteriormente pela Nerd Books do site Jovem Nerd;

6 - Do Blog para os livros: E a literatura de zumbis no Brasil refletiu um fenômeno muito comum destes tempos de internet quando da publicação do livro Terra Morta - Fuga, de Tiago Toy que se originou de um blog. O universo do livro recentemente ganhou um novo trabalho com Terra Morta - Relatos de Sobrevivência, reunindo contos no universo do livro escrito pelo próprio Tiago, e por autores convidados;

7 - Dos vampiros para os mortos-vivos: E o rei dos vampiros no Brasil, Andre Vianco aproveitando o momento entrou no mundo da literatura infantil, e justamente com nossos adorados zumbis no livro Zumbis - O Terrível Ataque das Rãs do Nepal, publicado também pela Rocco;




















8 - Para Rir: O zumbis estão presentes e também podem saber fazer rir. Pelo menos essa é a premissa da antologia Terrir publicada pela Editora Estronho que é especializada em suspense e terror, e que nesta obra se propõe a aliar isto também ao humor;

9 - Manual brasileiro: Protocolo Bluehand - Zumbis promete ser um guia definitivo de sobrevivência reunindo praticamente tudo o que há de referência sobre zumbis e como escapar do apocalipse. Publicado pela Nerd Books o livro é além de bonito, um manual nerd de grande utilidade;

10 - Eles não param: E o que antes era difícil de encontrar no gênero outros autores brasileiros falando de zumbis, atualmente pipocam por aí uma grande quantidade de publicações com e sobre mortos-vivos, muitos trabalhos ainda publicados sob demanda ou desconhecidos do grande público;

* Obviamente procurei não falar no post dos meus livros. Mas se quiser conhecê-los, em maio de 2011 lancei Morgan: o único, um romance narrado pelo próprio zumbi, e 2013 o livro O Titereiro dos Mortos. Também é possível encontrar materiais sobre eles na fanpage no Facebook.

E vocês, digam ai uma novidade sobre zumbis na literatura brasileira?

10 Curiosidades sobre a literatura de zumbis no Brasil 10 Curiosidades sobre a literatura de zumbis no Brasil Reviewed by Douglas Eralldo on segunda-feira, novembro 11, 2013 Rating: 5

8 comentários

  1. Eu não saberia dizer uma novidade do mundo zumbi, tinha um livro mas esqueci
    gostei da lista! Descobri alguns livros q não conhecia, já os anotei pra pesquisar
    um abraço!
    Pan
    http://pansmind.blogspot.com.br
    www.punkystore.com.br

    ResponderExcluir
  2. Brasil entende tanto de zumbi quanto os Estados Unidos de Samba.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Interessante. Consegue elaborar melhor este argumento?

      Excluir
    2. Este comentário foi removido pelo autor.

      Excluir
    3. Sério que eu li isso? Não sabia que o mundo zumbi tinha nacionalidade ou então que já tenha tido algum acontecimento real desse tipo e que isso tornasse um país mais expert do que o outro no assunto.

      Excluir
  3. chagas da condenacao tb é brazuca e excelente! pega bem no humor e nas partes de ação tb!

    ResponderExcluir
  4. Dos livros citados eu estou recentemente lendo Protocolo Bluehand Zumbis e devo dizer que é um manual bem explicado e deverás divertido. É impossível não rir das situações apresentadas como em "o que não comer, este livro". xD
    Ganhei justamente por causa do meu medo dessas criaturas... e o manual mostra que sim, é possível acontecer e talvez já esteja acontecendo.

    Até mais

    ResponderExcluir
  5. Acabei de ler o livro Vale dos Mortos. É um ótimo suspense com cenas de ação. Praticamente uma homenagem aos clássicos do Romero.

    ResponderExcluir