10 Livros censurados pela Igreja Católica

Ao longo da história a Igreja Católica censurou entre seus fiéis livros que fossem contra seus dogmas, ou crenças. De 1559 a 1966 o Index Librorum Prohibitorum listava oficialmente as obras que desagradavam o Vaticano. Mesmo sem essa oficialização, ainda hoje a o Vaticano se coloca contra determinadas obras literárias. Nesta lista, uma seleção com 10 Livros Censurados pela Igreja Católica.

1 - O Código Da Vinci, de Dan Brown: Mesmo sabendo-se tratar de uma obra de ficção, a revolta do vaticano com o livro fez com que várias teorias da conspiração ganhassem fôlego. O fato é que o livro é um dos mais perseguidos recentemente acusado de ser um "castelo de mentiras" aliado com a recomendação de "não leiam o livro".

2 - Igreja, Carisma e Poder, de Leonardo Boff: O livro escrito pelo frei franciscano com suas teses e propostas para a igreja em 1984 causou uma revolução na igreja, que resultou num traumático processo movido pela Congregação Para a Defesa da Fé.

3 - Sexualidade, e Condição Homossexual na Moral Cristã, de Marciano Vidal: A Congregação em Defesa da Fé da Argentina censurou o livro do teólogo espanhol que faz um levantamento histórico da abordagem da igreja sobre a homossexualidade.

4 -Just Love: A Framework for Christian Sexual Ethics, de Margaret Farley: Uma freira escrever abordando temas polêmicos para o Vaticano, como Sexualidade, Homossexualidade, e Masturbação, obviamente acabaria em censura. Para a Doutrina de Defesa da Fé, a obra causa "entendimento defeituoso da natureza objetiva da lei moral natural".

5 - A Bússola de Ouro, de Philip Pullman: A obra foi primeiramente censurada quando da sua adaptação para o cinema quando inclusive foi intitulada de "filme mais anti-natalino de todos os tempos". Com isso não demorou muito para que algumas dioceses nos Estados Unidos começassem a tirar de suas bibliotecas o livro.

6 - Harry Potter, de J. K. Rowling: Tudo bem, eu sei que o bruxinho seguidamente é elogiado pelo Vaticano, mas isso de longe quer dizer unanimidade, principalmente quando o exorcista do Vaticano Gabriel Amorth afirma publicamente que todos os livros da saga são "coisa do demônio".

7 -Sua Santidade: as cartas secretas de Bento XVI, de Gianluigi Nuzzi: Livro que revelou escândalos no Vaticano gerou polêmica pelo mundo e expôs as fragilidades da igreja, além, é claro de gerar uma onda de demissões por causa do escândalo, inclusive o mordomo do Papa.

8 - O Evangelho Segundo Jesus Cristo, de José Saramago:  O Jornal oficial do Vaticano o L'Osservatore Romano definiu o livro como "afronta à memória do cristianismo da qual não há o que salvar". Na morte do autor, o veículo ainda teria afirmado que Saramago seria "joio em meio ao trigo".

9 - Parejas y Sexualidad en la Comunidad de Corinto , de Pablo Ferrer:  Publicado na Argentina em 2010 pela editora católica San Pablo, teve ordens para se recolher seus exemplares pois iria contra os ensinamentos doutrinários da igreja católica.

10 - Clandestination, de Kiril Maritchkov: Mais do que uma censura pública, o livro em que há um relacionamento gay em que um homem paga por sexo, escrito pelo embaixador búlgaro causou um verdadeiro incidente diplomático, já que o Vaticano recusou-se formalmente a recebê-lo. 

10 Livros censurados pela Igreja Católica 10 Livros censurados pela Igreja Católica Reviewed by Douglas Eralldo on quinta-feira, novembro 29, 2012 Rating: 5

17 comentários

  1. Já li 3 livros desses e não me arrependo, foram ótimos!!!
    tudodoslivros.blogspot.com

    ResponderExcluir
  2. Por favor, façam alguma lista sobre o Luis Fernando Verissimo, acho que temos que homenageá-lo enquanto ele ainda está conosco.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ficou meio mórbida esse comentário. Contudo graças a Deus ele ja esta no quarto, teve alta do CTI, mas continua internado. Tenho certeza que ainda teremos muito de sua companhia.

      Excluir
  3. E quem iria ler um livro sobre um viadão que paga por sexo? Pqp! kkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. huehuehuehuehueh falo poko mais falo tdo kkkkkkkkkkkkkk

      Excluir
    2. Eu leria sem problema algum. Pior que ainda há tolos para apoiar essa sua colocação dispensável...

      Excluir
  4. O Grande Conflito de Ellen G. White também não é recomendado pela Santíssima Igreja Católica. Não Leiam, não queremos que vocês questionem seus padres

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ellen G. White não é aceita por nenhuma igreja, estranho não?
      Talvez seja por causa de suas profecias e visões "fantásticas".

      Excluir
  5. Pra ver como a igreja católica é atrasada ao ponto de não aceitar nenhum livro com criticas ao catolicismo, no mínimo são covardes e censuram pq tem algo a esconder.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Censura onde animal? Você é daquels retardados que acreditam em qualquer título que lê sem pensar... Se TODOS os livros da lista podem ser encontrados facilmente em qualquer livraria, onde aconteceu a censura????????? Deveria censurar sua mãe de fazer mais filhos...

      Excluir
  6. Já li toda a série Harry Potter e A Bússola de Ouro, também li o Código da Vinci, não é nenhuma igreja idiota(todas elas são, na verdade) que vai me convencer a não ler, fora que a história é milhares de vezes melhor, mais bem escrita e mais divertida que a bíblia.

    ResponderExcluir
  7. "9 - Parejas y Sexualidad en la Comunidad de Corinto , de Pablo Ferrer: Publicado na Argentina em 2010 pela editora católica San Pablo, teve ordens para se recolher seus exemplares pois iria contra os ensinamentos doutrinários da igreja católica."
    Existe algo mais absurdo que isso ? Para começar doutrinação me lembra o nazismo e pior o nazismo me lembra o cristianismo .

    ResponderExcluir
  8. É melhor ler um livro em que serpentes falam, um ser humano advém de uma costela humana, a luz vem antes do sol, um homem anda sobre águas, cegos voltam a enxergar milagrosamente... realmente é melhor.

    ResponderExcluir
  9. A igreja romana é mestra em esconder a verdade, eles nunca aceitam a confirmação de Jesus sobre João Batista ser Elias reencarnado; nunca aceitam que Davi e Jonatas eram amantes, por que o Davi era um jovem de raríssima beleza e ainda tocador de arpa.

    ResponderExcluir
  10. Censurados onde??????L bando de imbecis, em qualquer livraria você encontra esses livros... Se isso for censura... PQP, cada dia as pessoas ficam mais imbecis...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Discordo de você mas respeito sua opinião, sabemos que hoje em pleno século 21 que livros como esses não serão queimados em praça publica ainda bem, quando se fala em censura, está falando da criticas e arrogância da Igreja ( Clero), onde tratam seus fieis como gado igual os coronéis impondo seu modo de pensar. No século passado quem ia contra a Igreja era queimado feito bruxa, nos dias de hoje fazem a censura do medo de não ir para Céu, quantas vezes escuto Padres falando para não assistir as novelas ou ler certos livros está e uma forma de censura. Nos temos o direito a ler o que quiser e assistir o que quiser, isto se chama livre arbítrio o que me faz diferente e absorver o que e bom e descartar o que e ruim Jesus e tão claro nisso o que nos leva ao Céus são nossas atitudes com nossos irmãos em Cristo Jesus.

      Excluir