10 Lições que o cinema ensina para quem quer seguir a carreira de escritor

1 – Vendas não são importantes: Seu livro não vendeu mais que algumas centenas, e você não sabe o que fazer com a tiragem de 1.000 exemplares lhe enchendo as estantes da casa? Não se preocupe! Logo o mundo acabará num grande apocalipse, e a sua vez chegará, já que por alguma coincidência do destino, haverá um amigo do amigo, de algum amigo que trabalha em alguma instituição governamental secreta que o colocará na biblioteca de uma grande arca, onde só os ricaços irão sobreviver, e então sua obra se tornará Cult;

2 – Não escreve ao lado de velhinhas sacanas: Locar duplex onde tenha alguma velhinha sacana não é a melhor idéia para um escritor que precise de calma e sossego para escrever. No entanto se você resolver contar todas as formas que tentou livrar-se dela, pode ser que vire bestseller’s;

3 – Cuidado com o que acorda: Principalmente se for querer vender sua alma ao diabo para assinar aquele contrato dos sonhos, pois geralmente mesmo que ele venha representado numa gostosa de saias curtas, vai querer lhe cobrar um preço muito caro depois;

4 – Viva intensamente o personagem: Viver o seu personagem é muito bom para sua inspiração, principalmente se você fizer o tipo, loira, gostosa, e que adore andar sem calcinha. Obviamente seu o seu personagem for matar alguém com um furador de gelo, você já sabe o que fazer;

5 – Não escreva auto-ajuda: Principalmente se for com conselhos amorosos que resultem em separações. Alguém se sentindo prejudicado poderá querer vingar-se de você;

6 – Não se escreva sobre fantasmas, ou forças que não compreende: Não acreditar em fantasma, e até escrever mal sobre eles tudo bem, mas muito cuidado em determinado quartos que for entrar, pois eles podem querer falar de perto com você;

7 – Ghost Writer nem pensar: principalmente se for para escrever biografias de gente poderosa, que pode de uma hora para outra por sua vida em risco;

8 – Cuidado com as parcerias: Cuide para não entrar em apuros caso queira que alguém venda seus textos. Ele pode não se preocupar muito com originalidade, vender coisas impossíveis, e por você numa grande fria;

9 – Pesquise: Escrever demanda domínio do que se quer falar, mesmo que você tenha de perambular pelos principais prostíbulos da cidade, entrevistando garotas de programa;

10 – Escreva sobre seu cachorro: Mesmo que ele seja um vira-lata conte para todo mundo as desventuras de seu cão, e melhor ainda se ele tiver morrido, todo mundo vai chorar no final e achar que o livro é muito bom. Isso pode ajudar que você não pare no item 1.
10 Lições que o cinema ensina para quem quer seguir a carreira de escritor 10 Lições que o cinema ensina para quem quer seguir a carreira de escritor Reviewed by Douglas Eralldo on quarta-feira, julho 06, 2011 Rating: 5

3 comentários

  1. Escrever sobre o cachorro é ótimo... rs

    Acho que vou escrever sobre o meu gato que tem quase 14 anos. Será que vira um clássico?

    Abraço!

    ResponderExcluir
  2. Pessoal eu amo esse blog, se for possível deem uma passadinha no meu.

    http://omundoaosolhosdeumhipcrita.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  3. Caixinha de compartilhar link em cima do texto. Tá difícil ler.

    ResponderExcluir