Header Ads

10 grandes relações de amizade da literatura mundial [feliz dia do amigo]

1 - Dr. Watson e Sherlock Holmes: Watson nutre pelo detetive uma amizade leal, se mostra seu fã mais ardoroso e admirador de suas qualidades, além é claro de estar sempre preocupado com os excessos de Holmes;

2 - Sexta-Feira e Robinson Crusoé: A amizade entre o nativo e o náufrago surge como uma ponta de esperança e salvação de Robinson Crusoé, que permaneceu isolado vinte e oito anos até encontrar sexta-feira

3 - Sancho Pança e Dom Quixote: Só mesmo um bom amigo, que tem a visão mais realista do mundo consegue acompanhar as viagens imaginárias de Dom Quixote;

4 - Harry Potter e Ronald Weasley [Rony]: Parece tendência na literatura entre melhores amigos, um ficar a sombra do outro, e isso por vezes irrita Rony, mas que na verdade é uma dos mais leais e companheiro amigo que se pode ter;

5 - Hercule Poirot e Capitão Hastings: Embora não tão presente de Poirot como Watson e Holmes, o Capitão Hastings é amigo inseparável. E não há maior índicio do tamanho desta amizade, quando Poirot passa seus últimos dias ao lado do amigo, em seu último caso. 

6 - Frodo Bolseiro e Sam gamgee: Na obra de O senhor dos Anéis em A sociedade do anel, Sam no iníco surge como um companheiro despretencioso, que inicia sua aventura muito mais pelo interesse em elfos e por sua mania de ouvir às escondidas. Mas ao longo do caminho Sam se revela mais que um amigo, sendo quase que a voz da consciência de Frodo, perante os perigos.

7 - Soluço Spantosicus Strondus III e Banguela: Uma amizade improvável entre um viking e um dragão. Os vikings nasceram para caçar, mas Soluço prova através de uma obra singela que a amizade esta acima de tudo, e treina o dragão com maestria.

8 - Ford Prefect e Arthur Dent: Você é um alienigena que sabe que os dias da terra estão contados. O que faz? logicamente se depois de anos num planeta bem "mais ou menos" você conseguiu criar laços de amizade, nada mais justo que levar os amigos juntos. No caso de Ford Prefect restou mesmo só o hilário Arthur Dent, e os dois embarcam numa viagem alucinante pelas galáxias.

9 - Emília e Narizinho: A boneca de pano mais falante da história nasceu muda, até tomar a "pilula falante", e aí não desembestou mais de falar, e estar sempre junto de Narizinho formando uma grande amizade;

10 - Colin e Susan: Em a pedra encantada de Brisingamen, no mínimo uma forma diferente de falar de irmãos na literatura, pois os dois personagens principais são amicíssimos, mesmo com a relação de sangue muitas vezes mostrada por suas divirgências nos livros. Mais que irmãos os dois são Amigos.

*****

Você pode se interessar também por: 10 livros com clima chuvoso;

6 comentários:

  1. Cara, muito bom seu post, entretanto se formos falar de literatura mundial e junto dela a relação de amizade, você não podia ter esquecido de "Ratos e Homens".O livro fala da relação de amizade entre George e Lennie na época de depressão americana. Fica aqui minha contribuição

    ResponderExcluir
  2. O fê, sua contribuição é muito pertinente, e Vc tem razão. Ainda bem que as listas foram feitas para serem completadas.

    ResponderExcluir
  3. Cara, indiquei vocês ao Selo Sunshine

    Obrigado por este site maravilhoso!

    http://literaturadecabeca.blogspot.com/2010/07/ganhamos-o-selo-sunshine.html

    ResponderExcluir
  4. Onde esta o ka-tet de Roland em "A Torre Negra"

    ResponderExcluir
  5. Faltou Digory e Polly xD Em Crônicas de Nárinia

    ResponderExcluir