10 Razões porque os livros são sempre superiores que qualquer adaptação

No Listas Literárias seguido falamos de adaptações dos livros para séries ou filmes, e muitas vezes o resultado disso. Mas hoje a ideia é falar sobre porque na humilde opinião deste blogueiro todo livro será sempre superior a qualquer adaptação literária:

1 - O Livro é o produto completo: Independente se a adaptação é boa, ou não, ela já nasce em débito com o livro, já que este é de fato o produto completo, enquanto a adaptação precisará captar os elementos da narrativa, mas sem jamais conseguir alcançar a completude do livro;

2 - Uma adaptação é sempre uma releitura: Primeiro que se qualquer um que quiser adaptar uma obra literária pensando reeditar o livro estará caindo num grave erro. Adaptações são sempre uma releitura, um produto novo originado de algo já existente, e indo por aí, bem o prejuízo já é bem perceptível;

3 - Adaptações possuem limites: Escrever uma obra é como ser um deus criando seu próprio universo. Para um autor de livros não há qualquer limitação, nada que impeça sua escrita, é um poder que tendo grande público, ou não, ninguém pode dizer-lhe sobre o quê escrever, ou como escrever. Já adaptações, independente da mídia para qual serão feitas, possuem sempre limites, que começam pelo tempo, pela observação do que pode ou não ser apresentado, e por aí vai...

4 - Nem o melhor supera o original: Um argumento que pode auxiliar estas posições é de que nem mesmo ótimas adaptações como filmes O Senhor dos Anéis ou O Poderoso Chefão conseguem superar os livros que os originaram, enquanto até mesmo um livro horrível pode conceber uma boa adaptação;

5 - Adaptações castram o expectador: Uma diferença essencial é que adaptações de livros (ou qualquer outro filme) de certa forma castram o expectador. Na TV, ou no cinema, um expectador é apenas um expectador, enquanto um leitor interage com o livro, seja na constituição das imagens de lugares e personagens, seja na imersão total e subjetiva que o tornam quase um elemento da obra;

6 - O livro personaliza: Embora haja limites para interpretações, os livros personalizam o entendimento, permitindo diferentes ou variadas interpretações, enquanto séries e filmes tendem a limitar mais tais compreensões, bem como limitar temáticas;

7 - Adaptações são sínteses: Por mais longa que seja uma adaptação, ela ainda assim é uma síntese da obra, e que inclusive deverá levar muito em conta o olhar de quem adaptou sob a obra, e assim, muitas vezes perdendo alguns elementos que para um leitor poderiam ser essenciais;

8 - Diversidade narrativa: Embora uma e outra tentativa de inovação, as narrativas visuais para televisão e cinema parecem possuir menos recursos para se contar uma história, do que um livro, efetivamente;

9 - Adaptações são dependentes: Enquanto um bom livro faz-se por si mesmo (e o talento do autor, é claro), as adaptações são sempre dependentes de bons diretores, de atuações convincentes, de figurinistas, etc... Se qualquer elo desta elaboração falhar, a obra como um todo pode ser prejudicada;

10 - Você dirige o livro: E para mim, esta é essencial. Num livro o leitor é quem dirige o que lê, o que permite ás vezes ampliar ou mudar sua opinião sobre determinados livros, já que seu jeito de ler certamente interfere durante uma leitura. Já como expectador, há poucas variantes de formas como assistir a uma série, novela, filme, etc...

E vocês, preferem adaptações, ou o livro?
10 Razões porque os livros são sempre superiores que qualquer adaptação 10 Razões porque os livros são sempre superiores que qualquer adaptação Reviewed by Douglas Eralldo on terça-feira, maio 19, 2015 Rating: 5

2 comentários

  1. Faca de Dois Gumes, de Fernando Sabino, foi a única obra em que gostei mais do filme do que do livro. O livro é bom, porém muito curto, enquanto o filme cria muito mais reviravoltas e pontos de reflexão.

    ResponderExcluir
  2. Gostei mais do filme As vantagens de ser invisível que do livro, e este é o único caso!

    ResponderExcluir