terça-feira, 9 de fevereiro de 2010

Os 10 piores clássicos da literatura mundial para serem lidos

1 - Dom Casmurro, de Machado de Assis: Embora Machado tivesse uma linguagem popular, é um porre passar o livro inteiro ouvindo suas lámurias se foi, ou não traído;

2 - Iracema, de José de Alencar: Não passei da página 10 de tão chato;

3 - Moby Dick, de Hermam Melville: Chato, depressivo e pesado, sem contar ser criminoso ambientalmente por causa da obsessão do Capitão Ahab em capturar Moby Dick;

4- O amante, de Margerite Duras: O livro é de narrativa desistimulante.

5 - Grande sertão: Veredas, de João Guimarães Rosa : Não sei os motivos de autores brasileiros tentarem escrever de forma que o grande público não entende, Grande Sertão traz uma narrativa confusa, que elitores mais leigos não passam das duas primeiras páginas;

6 - Justine, de Lawrence Durrell : A narrativa é muito chata, e o ambiente pesado não dá vontade de ler

7 - Conto de Natal, de Charles Dickens : Não sei se é porque o Scrooge é um dos personagens mais chatos que a literatura já criou, mas o livro também precisa-se de boa vontade para ler até o final;

8 - A iliada, de Homero : Os gregos também posuem afeição pela escrita confusa, ou talvez seja eu que não esteja preparado para suas obras. Mas uma coisa é certa, a continuação de leitura também é complicada

9 - Hamlet, de Shakespeare : Outro autor que gostava de escrever complicado.

10 - Mémorias de um sargento de milícias, de Manuel Antonio Almeida;
Reações:

45 comentários:

  1. Fecho contigo. Finalmente encontro alguém que pensa como eu. Gosto de ler, sou fã de Stephen King, do Tolkien e leio vários livros técnicos da minha área. No Brasil gosto muito dos livros do Andre Vianco. Mas tem livros que simplesmente não empolgam. Por vezes a culpa sequer é da história - muitas são chatas - mas na maioria das vezes é pelo estilo de escrita.

    Num país de vários analfabetos, porque os autores gostam de usar linguagem rebuscada? Uma masturbação intelectual?

    Depois reclamam que brasileiro não gosta de ler. Eu odiava ser obrigado a ler esses "grandes clássicos" quando estava no ensino médio. Na primeira vez que escolhi o que queria ler, comecei e não parei mais.

    Há meios de se escrever de modo simples e mesmo assim comunicar a idéia, já que esse é o objetivo sempre. E atrair a atenção do leitor, sem obrigá-lo a ficar com um dicionário do lado.

    Parabéns pelo post.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ruins???
      Provavelmente são fãs do crepusculo.

      Excluir
    2. Recomendo a todos que gostam de clássicos e boa lieteratura os seguintes livros: Os contos de Maupassant, os do escritor judeu-russo Shalom Aleichem, Taras Buba e Almas mortas, de Gogol, A cavalaria Vermelha, de Isaac Babel, os contos policiais de Chesterton { que nos apresenta a figura bonachona e experta do Padre Brow} e os deliciosos romances policiais de Simenon { A fúria de Maigret, O cão Amarelo etc} Quem achar esses clássicos chatos é porque gosta de peseudo literatura mesmo e não passa de um analfaburro!

      Excluir
  2. não gostar de ler é uma coisa, mas falar que esses livros são ruins, ja é de mais, todos os livros acima são otimos, talvez o cidadão dono deste blog tenha aversão a livros ou histórias para não bundões sentimentalistas sem namorada.
    TEU BLOG QUE É UMA MERDA!!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Assino em baixo

      Excluir
    2. é novo demais o dono desse blog... ele é novo ele aprende

      Excluir
    3. duvido que um de voces tenha lido algum livro citado acima. eu li 4 desses e afirmo que não vejo nenhum motivo para serem chamados de classicos. pode não ser uma merda, mas estão muito longe de serem bons, e nem adianta esse papinho da maturidade, isso é desculpinha, vou estar com 60 anos e continuarei achando os livros sem graça.

      Excluir
    4. Coitado.
      Li 4.

      Excluir
  3. post scriptum (vulgo ps, para aqueles que não sabem): voce tem que se atualizar, ler mais, aprender que nem tudo são posts em blog ou comentarios rapidos sobre textos mal formulado e por sua vez mal interpretados, talvez esse seja o motivo de sua solidão intelectual.

    ResponderExcluir
  4. Em termos, os livros que citou são mais antigos, consequentemente a forma de linguagem é mais complicada, cita-los como os piores clássicos foi algo falho da sua parte. Acredito que a unica coisa que falou corretamente foi "ou talvez seja eu que não esteja preparado para suas obras." assim como as outras...

    ResponderExcluir
  5. Como estudante de letras eu tenho que defender alguns desses livros, pelo menos,alguns eu não li para poder falar sobre eles e me indago se você o fez ou apenas reportou a opinião de terceiros.
    Gostaria de lembrar também que o livro mais novo da lista tem mais de 50 anos ( grande certão: veredas), os outros mais de cem e a Ilíada então nem se fala, são mais ou menos 2800 anos atrás.
    Não são essas obras clássicas que tem que ter uma linguagem que qualquer imbecil consegue entender, é o leitor que tem que se esforçar pra poder tirar o máximo do que a obra tem pra oferecer.
    Além do mais a linguagem é um processo em constante evolução se viajássemos para o início do sec. passado não entenderíamos um quuinto do que as pessoas falavam ( vc menos por que não se interessa em ler obras que podem te transportar para um tempo passado do nosso país ou mundo e aprender sobre como nossa lingua era falada a x anos atrás ou aprender sobre as diferenças culturais dos tempos à muito idos e o nosso.).
    Meu conselho é se vc não gosta de ler não leia, mantenha-se sempre com essa sua infeliz opinião sobre os clássicos da literatura e vá ver um vídeo no youtube ou ler um blog só de tirinhas sem conteúdo, assim vc consegue mais conteúdo para o seu blog, a custo de conteudo para aumentar sua cultura e expandir seu horizonte.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ah, se aqui houvesse um botão pra curtir esse comentário...

      Excluir
    2. Difícil de acreditar que algum estudante de letras seja capaz de escrever "certão".

      Excluir
    3. Certão. kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

      Excluir
  6. Lia esse blog com gosto até ver tamanha bobagem

    ResponderExcluir
  7. Você não pode escolher quais são os dez piores clássicos se está na cara que você não gosta desse tipo de livro. É só ver que você nem passou da página 10 de Iracema. Também não gosto de vários desses livros mas para escolher os dez piores precisa conhecer bem os livros da categoria.

    ResponderExcluir
  8. Eu posso falar dos livros em português, e concordo em partes. As histórias são boas (tirando Iracema, que é um porre), mas a linguagem deveria ser contextualizada para os dias de hoje, tornando os livros mais acessíveis. Ler "O Auto da Barca" é praticamente impossível!

    ResponderExcluir
  9. O cortiço tambem é bem enfadonho.

    ResponderExcluir
  10. -Piores clássicos é um tanto quanto contraditório.Classicos são aqueles livros que, mesmo com o passar do tempo ainda são admirados, lidos e relidos(coisas que não acontecem com os best-sellers)
    -Quem consegue julgar um livro em 10 páginas?
    -ELITORES?
    -A lingua falada é diferente da lingua escrita, principalmente se tratando de romances escritos séculos atrás.E o vocabulario muda com o passar do tempo, supimpa broto?
    -Vai ler crepúsculo então que é bom né?
    E entre outras cositas mas que poderia citar...

    ResponderExcluir
  11. Dostoievski é impossível de ler.

    ResponderExcluir
  12. Queridos, vamos combinar: Há livros para serem estudados e outros para divertirem. Classicos são considerados assim por, de algum forma, serem importantes na época deles, ou mesmo influenciarem a nossa. Entretanto, na época da nanotecnologia, as narrativas para serem apreciadas devem ser dinamicas e contra-cliches. Por esse motivo sou contra darem classicos apra crianças de 12 anos. Broxam totalmente. Perdem um amor que teriam. É ignorancia dizer afirmar que por não gostar de classicos, detesta-se ler. Então se eu não gosto de maçã, não gosto de frutas?

    ResponderExcluir
  13. Pelo que eu entendi ele não disse que os livros são ruins, mas que eles são os piores para serem lidos o que é totalmente diferente. Apesar de amar os clássicos tenho que concordar que sua leitura é extremamente difícil.

    ResponderExcluir
  14. Ei, eu discordo. Eu li Dom Casmurro e amei! Um dos meus livros preferidos.
    Esses livros não são ruins, ou 'os piores da literatura', depende do gosto de cada um.

    ResponderExcluir
  15. É muito melhor ler a turma da monica do que o Grande Sertão: veredas ou Dom Casmurro. Ou melhor, para que se esforçar para ler um livro quando temos o controle remoto da TV por perto ou mesmo a net? Pensar é muito difícil, o melhor é se conformar aos lugares comuns de sempre.

    ResponderExcluir
  16. isso me mostrou que não se pode ser sincero com relação a literatura clássica, ou vem um bando de pseudo-intelectual criticar.
    Gosto é algo muito pessoal, mas os fatos que ele citou sobre linguagem e narrativa antiquados são fato em grande parte.

    ResponderExcluir
  17. O Rodrigo Comentou Muito Bem a intenção do post... Há obras que a linguagem pode complicar a leitura, e aqui entre nós, forçar a leitura de um Grande Sertão: Veredas a alunos sem acostumá-los antes com o prazer de ler é afugentá-los do livros!

    ResponderExcluir
  18. E diga-se de passagem, grande parte da aversão à livros que se instalou na maioria dos brasileiros se deu graças à obrigatoriedade de ler os Clássicos em tenra idade. Conheço gente que tem trauma de Iracema, Sertões, Escrava Isaura... Eu pessoalmente criei trauma de Camões graças à essa super valorização que dão aos 'clássicos', que se você não ler tudo e não gostar, você é um merda sem cérebro.
    Aposto que boa parte dessa gente que veio xingar nunca leu nem metade do que já foi colocado e resenhado aqui nesse blog.
    Eu adoro Hamlet, mas não sou tola de dizer que é uma leitura fácil, que todo mundo precisa ler isso para ter algo no cérebro!
    tem gente que esquece que a leitura é um ato pessoal e subjetivo!

    ResponderExcluir
  19. A questão maior não pode ser quem lê mais, isto é disputa por poder e termina em vaidade apenas,
    Não adianta ler 70 livros de 400pg por ano e assistir "gugu","faustão" e "bbb" dois pesos duas medidas, essa "cultura" atual imposta pela mídia já é resultado de uma sociedade que se deleita no lixo televiso e no final de 6 horas percebesse que nada se aprendeu, sou anti novelas e noticiários sangrentos, defendo o conhecimento amplo e não restrito.
    É extremamente importante ler e ler muito para se ter uma opinião ampla porém flexível para não se tornar radical e extremista, leitura difícil ?? ótimo ajuda a desenvolver o intelecto e a verdadeira noção do pensamento, por isso não basta apenas ler e sim mergulhar naquele texto para sair da superficialidade que a maioria da sociedade tem.
    Se são clássicos indubitávelmente não podem ser os piores

    ResponderExcluir
  20. Talvez não esteja preparado intelectualmente para nenhum deles mesmo. Realmente são cansativos, mas isso é porque te fazem pensar e enriquecem o vocabulário. Porém espero que insista neles, pois só superando é que evoluímos. Aí quando conseguir entendê-los verá o quanto são bons.

    ResponderExcluir
  21. Não sei o que Dom Casmurro faz nesta lista...
    Um dos melhores livros que já li
    O conflito psicológico de Bentinho é fantástico e Machado de Assis se superou nesta obra prima!

    ResponderExcluir
  22. Você simplesmente não gosta de ler. Ponto. (Talvez você seja um fã de umas porcarias chamadas Harry Potter e "saga" Crepúsculo... sei lá...)

    ResponderExcluir
  23. Anonimo, quando vc tiver coragem para não ser anônimo lhe respondo!

    ResponderExcluir
  24. Marcelo (ou Anônimo)21 de julho de 2011 21:00

    Não te fiz nenhuma pegunta no meu comentário... Quando postei-o, não achei que fosse importante colocar o meu nome já que posso inventar qualquer um, não é mesmo? Mas, ok... meu nome é Marcelo! E isso não fará diferença alguma no que falei... Você continua não gostando de ler.

    ResponderExcluir
  25. Pois bem Marcelo, ou seja lá quem for... Primeiro, não compare Harry Potter a Crepúsculo... Segundo, eu gosto de ler sim, e muito, desde que seja do meu agrado... No entanto, cabeças que pensam que a unica coisa que serve na literatura são autores que morreram a mais de um século, ou novos pseudo-intelectuais que escrevem para sim mesmos, então de fato eu não gosto de ler......

    Hoje a literatura tem aberto as portas para um monte de gente que de fato eu gosto de ler, e antes de pessoas com posições tacanhas quanto a tua repleta de egocentrismo, e de objetivos medievais em que se asseguravam a poucos o direito da leitura, tenho como filosofia que todo e qualquer leitura que abra o mundo dos livros para os leitores deve ser respeitada...

    Alias, talvez esta seja a unica virtude de Crepúsculo... No entanto, cegar os olhos para a contribuição de Harry Potter para a literatura... Quem será que não gosta de ler?

    ResponderExcluir
  26. pessoalmente acho que faltou dom quixote....
    entretanto em muitos livros da sua lista creio que são maravilhosos de se ler, porém vou respeitar sua opinião porque este é outro assunto.

    Porém concordo em alguns livros citados na sua lista

    Também creio que devido a grande polemica que surgiu creio que da próxima vez seja mais adequado expressar que esta é a sua opinião e que pode diferir de quem lê [dik de kem tb é blogueira]

    ResponderExcluir
  27. Muito disso é resultado do empobrecimento da cultura brasileira e do péssimo sistema de ensino no nosso país, que consegue ensinar apenas muito porcamente o português aos alunos. Vocês não devem rejeitar a literatura do passado: devem se esforçar para compreendê-la. Pelo que percebi, um dos principais critérios usados para classificar os dez livros como "piores" foi o fato de vocês não os ter entendido. Algo como um menino que, por não conseguir rodar um pião tão bem como os amigos, sai brabinho, chorando e gritando: "mas que brinquedo chato!". Não passou pelas suas cabeças que o problema pode estar em vocês, e não nos livros? Vocês não pensaram na possibilidade de que, na verdade, não é a linguagem dos livros que é complicada demais, mas, sim, os seus vocabulários e as suas capacidades de interpretação é que são de menos? Algumas dessas obras são, há séculos, (milênios, no caso da Ilíada), consideradas de grande valor literário pelos melhores e mais inteligentes estudiosos e escritores que já existiram. Devemos nos esforçar para aprender tudo o que eles nos tem a ensinar. (Os livros que defendo aqui são: 1,3,5,7,8,9.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Caro Sábio literato, a composição da lista foi baseada, não na capacidade do leitor perante a obra mostrar incapacidade de entendimento, mas sim pelo fato de que a leitura dos livros da lista exige sim um nível de experiência de leitura [o que deve ser seu caso, um inteligentíssimo ser que nos brinda com seu comentário] e sendo ela feita de uma maneira crua, constitui-se em uma leitura complicada. O objetivo do tema não foi de maneira alguma denegrir as obras, mas sim de dizer que elas exigem sim um leitor preparado....

      Infelizmente pessoas "sábias" com você ainda existem, e teimam em acreditar e insistir que se incentiva a leitura, obrigando a jovens inciar a literatura com Grande Sertão: Veredas. No fundo, por que entendeste [ao menos é o que afirma] tal leitura, julga-se acima dos demais, porém Caro Sábio, afirmar que uma obra é de difícil leitura, não é uma afirmação de que ela não presta.

      Excluir
  28. Ah, escrevi "vocês", no plural, porque não estou me referindo só a quem escreveu o post - mas também aos donos de alguns outros comentários... Enfim, o comentário de que mais gostei foi o da Tamara: deu uma opinião séria, sem entrar em briga...

    ResponderExcluir
  29. Tenho uma sugestão de leitura ótima para você: Cinquenta tons de cinza! Boa leitura!

    ResponderExcluir
  30. Falar mal dos clássicos é que nem tacar pedra nas estrelas, você pode tentar...
    mas não vai conseguir acertar, NUNCA.

    ResponderExcluir
  31. Putz, quanta merda a gente encontra na internet, que dó my God!

    ResponderExcluir
  32. Cara, vá me desculpando, mas para fazer tal post é necessário primeiro ler TODOS os clássicos da literatura mundial. Mas quanto a linguagem discordo totalmente do seu pensamento. Sim, forçar estudantes a lerem clássicos é uma forma de afugentá-los da leitura, mas será que sem este apoio escolar eles procurariam os clássicos? A importância destes é fundamental para o entendimento da formação cultural brasileira e mundial. Será que é pedir demais que se leia Camões e se perceba nele que a história contada é incrível e fantástica? ENTENDER o que se lê é fundamental e os clássicos exigem isso da gente. Compreensão, atenção, foco total. Gosto também de Harry Potter e ademais de sua importância para que jovens adentrem ao mundo fantástico dos livros não é de forma nenhuma um livro que exige de mim.

    ResponderExcluir
  33. Cara você burro, ignorante. Uma dúvida: você terminou o ensino fundamental?

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...